Creative Producer Indaba

Estão abertas até 22 de agosto as inscrições para o Creative Producer Indaba (CPI), programa de desenvolvimento profissional oferecido pelo Instituto Realness, que investe no desenvolvimento do audiovisual na África. Em parceria com o Projeto Paradiso, uma das 15 vagas será reservada a um produtor criativo brasileiro, que irá participar de dois workshops internacionais, um na África e outra na Europa.

O objetivo do curso é desenvolver habilidades de liderança e criativas de produtores audiovisuais. O programa inclui estudos de casos, debates, reuniões individuais com mentores e especialistas, com foco em aspectos de desenvolvimento e planejamento de projeto – como financiamento, legal, relações públicas e marketing,  lobby, gerenciamento de rede e liderança. Entre os mentores estão profissionais como Mehret Mandefro, Diana Elbaum e Mmabatho Kau.

O Indaba se divide em dois workshops, que acontecem em inglês.

  • Workshop 1: O primeiro tem uma etapa online entre 9 e 12 de novembro e outra presencial no Atlas Workshops de 14 a 17 de novembro, durante o Festival Internacional de Cinema de Marraquexe.
  • Workshop 2: O segundo workshop é composto de sessões presenciais no Festival de Roterdã, entre 26 de janeiro e 2 de fevereiro de 2023.

Inscrições e Bolsa Paradiso

O Instituto Realness vai selecionar 15 profissionais para o Indaba. Dez deles são produtores ou profissionais do audiovisual africanos e os outros cinco são dos demais continentes.

Graças à parceria com o Projeto Paradiso, o Indaba vai selecionar um produtor criativo brasileiro que tenha interesse em coproduzir com algum país do continente africano. Para participar, é preciso ter ao menos dois anos de experiência profissional e já haver produzido pelo menos um longa-metragem, ou uma série, ou ao menos dois curtas-metragens como produtor principal ou coprodutor.

A organização do curso oferece a todos os selecionados hospedagem e alimentação durante o segundo workshop, no Festival de Roterdã, na Holanda. Adicionalmente, a Bolsa Paradiso cobrirá, até US$ 6 mil, os custos de participação nos dois eventos internacionais. No primeiro workshop, o Atlas Workshops, em Marraquexe, no Marrocos, ela contempla deslocamento aéreo, hospedagem e alimentação. No segundo, em Roterdã, ela cobre o deslocamento aéreo.

As inscrições vão até o dia 22 de agosto, às 13h (Horário de Brasília). Para participar, é preciso pagar uma taxa de 500 rands sul-africanos.

Para tirar dúvidas, envie um e-mail para: [email protected].

O Indaba é realizado pelo Realness em parceira com o EAVE, o IFFR Pro e o Atlas Workshops do Festival Internacional de Cinema de Marraquexe, e tem apoio do Projeto Paradiso, do Documentary Africa, da
International Emerging Film Talent Association (IEFTA), do Institut Français d’Afrique du Sud e do The Storyboard Collective.

Bate-papo

Buscando impulsionar as candidaturas brasileiras, realizamos um bate-papo exclusivo para tirar dúvidas sobre o curso e a bolsa com Elias Ribeiro, Diretor Executivo do Instituto Realness. A conversa, que contou com a mediação da diretora de programas do Projeto Paradiso, Rachel do Valle, está disponível na íntegra no Canal Paradiso.